A sabedoria de Vasco Santos

«Na esteira de Paul Ricoer, o que me interessa mais na leitura deste mito é a ideia de que Édipo é a tragédia da verdade. Ilustra que o sujeito não sabe toda a verdade sobre si próprio. Eu nunca me vou olhar de frente. Nunca saberei tudo sobre mim mesmo, e é isto que me …

Anúncios

Hoje lembrei-me de Vasco Santos

«Hoje, encontro pessoas que me dizem que ganham 800 euros e ainda acrescentam: “Nem ganho mal.” Quer dizer: “Tenho trabalho; ao menos trabalho.” E, portanto, esta aceitação e naturalização da desigualdade faz parte de um modelo mental de que o Barthes fala em “O Prazer do Texto”… E um dos seus sintomas é a tal …

La Féria, Annarella e a Cultura em Leiria (14-05-2018)

«No passado fim de semana parte da comunidade Leiriense indignou-se com as declarações que Filipe La Féria fez num programa televisivo. Não vi o programa em causa, mas terá dito que Leiria é uma cidade onde não há cultura, e onde a Escola de Dança da Annarella Sánchez veio oferecer-nos finalmente um projecto que nos …

Leituras: Uma abelha na chuva ou um drama conjugal bem português!…

Quem gosta de romances muito dramáticos? Tem de ler este! Este romance centra-se num casal totalmente disfuncional. Ela de origens aristocratas, casou por interesse e obrigação. Ele é um rude e rico camponês, que diz ama a mulher mas as suas acções não o demonstram. Ambos são pessoas extremamente frustradas e mal-resolvidas. E sem filhos. …

Razões para o sucesso das telenovelas da TVI (e das telenovelas portuguesas em geral)

Já não há motivo para analisar as telenovelas da televisão portuguesa. O diagnóstico é crítico: enredos sem pés nem cabeça e temporadas infindáveis! Este post limita-se a tentar perceber porque as pessoas as vêem. Dirige-se de maneira particular às telenovelas da TVI mas a lista seguinte também de aplica às dos outros canais do TDT. …

Novas Receitas para Recuperar Audiências ou Como Portugal É uma Casa dos Segredos

Ingredientes encontrados para a edição 4 da Casa dos Segredos: - Alguns segredos. - Uma produção que decidiu ignorar das regras existentes no(s) programa(s) deste tipo em nome das audiências. - Teresa Guilherme, uma apresentadora alcoviteira e chata, sempre a fazer o número "eu é que mando" ou "eu sou muito boa". A malta toda adora …