Raciocínio versus Emoções ou as contradições do mundo de hoje

Vivemos num tempo em que políticos, economistas e decisores públicos tomam decisões colectivas (e fazem consultadoria) baseados no pressuposto de que as pessoas são todas seres racionais que fazem as escolhas acertadas sempre (o homo economics), portanto são precisos estudiosos como Daniel Kahneman e Richard Thaler para o demonstrar (essa é alias a única contribuição …

Leituras: O cânone ocidental, de Harold Bloom…

Harold Bloom é um crítico literário norte-americano e é professor na Universidade de Yale. E é um defensor ferrenho da literatura formalista (a arte pela arte). Harold Bloom defende neste livro que existe um “cânone” de livros de literatura que todas as pessoas deviam ler. Por isso estabelece uma lista cujas únicas preocupações são estéticas. …

Portugal, 2018: Três notícias convenientes

«No dia 7 de Setembro, o ministro da Educação reuniu-se com um conjunto de organizações sindicais de professores. Depois dessa reunião inútil, o Governo decidiu, unilateralmente, apagar mais de seis anos e meio ao tempo de trabalho efectivamente prestado pelos docentes. À decisão, a que, para cúmulo, chamou “bonificação”, oponho um argumento legal, inscrito na …

Desafio: Medo

E continua a saga dos desafios no caminho do autoconhecimento... E sempre com questões que nos fazem (re)pensar. Desta vez a pergunta é o que nos assusta mais… Poderia responder que tenho muitos medos e até fazer uma lista deles. Mas preferi escolher um deles e aprofundar um pouco: o Medo de Não Ter Saúde. …

Leituras: Ficção e autobiografia nos dois primeiros livros de António Lobo Antunes

António Lobo Antunes é hoje um dos maiores escritores portugueses vivos (ele na sua imodéstia também acha e publicita-o nas entrevistas que dá). Mesmo se não tivesse escrito mais nada relevante depois destas duas obras de que vou falar, ambas publicadas em 1979, só por elas já merece todos os prémios. Nestes dois romances - …