Conhecer Óbidos em tempos de austeridade (Novembro 2017)

Obidos_77c

Pode parecer estranho dizer isto, mas os nossos ordenados não aumentaram, o descongelamento de carreiras é uma miragem. Por isso os orçamentos são cada vez mais limitados para quem quer ser turista no seu próprio país.
Eu, por outro lado, há muito que sonhava conhecer melhor Óbidos. Uma coisa é passar num local, outra é estar lá uns dias, ver as dinâmicas do local e as pessoas que fazem parte dele.

O dilema antes de partir era:
Será possível fazer férias baratas em Óbidos?

Agora já sei responder a essa questão e a outras!
A experiência é amiga das respostas….
Concluindo, depois de uns dias em Óbidos:
Óbidos é um local lindo!! Em qualquer parte da vila se vêem paisagens deslumbrantes!!
Óbidos é um local turístico por excelência!
3º Por isso a maioria dos restaurantes, bares e hotéis tem preços para turistas com dinheiro. O ÚNICO sítio realmente barato é o ÚNICO supermercado existente na vila.
Todos os sítios culturais municipais que visitei são gratuitos! Foi óptimo!
Estão a decorrer os preparativos para Óbidos Vila Natal 2017. E isso muda tudo.
Óbidos Vila Natal abre 30 de Novembro e termina dia 31 de Dezembro. Nessa altura vai ser cobrada um preço para entrar em certas zonas do Centro de Óbidos.
Os preparativos já estão a decorrer a todo o vapor, e suponho que vá ficar tudo esplêndido! Mas por causa disso não me deixaram visitar o Castelo, o que me decepcionou!
Óbidos Vila Literária…
«O Projecto da Vila Literária de Óbidos é uma iniciativa da Ler Devagar que teve a assessoria na programação das Produções Fictícias e o apoio da Câmara Municipal de Óbidos e da empresa municipal de gestão de bens culturais Óbidos Criativa.» (ver sítio oficial)
Este projecto levou à criação de quatro livrarias em Óbidos. Será que está a valer a pena?
A Biblioteca Municipal…
Numa cidade tão dedicada à difusão da cultura, foi triste ver uma biblioteca escondida num edifício da Câmara Municipal, onde as pessoas quase não vão. Falta dinamismo e actualização! E um espaço maior e arejado…

biblioteca-templo-saber-carl-rowan-citacao

Óbidos terra abandonada…
Casas lindas tão velhas na vila… Mas fechadas, para venda. Uma dúzia com ar de que vai cair dentro de alguns meses ou alguns anos…. Quem as reconstrói? Faltam pessoas na vila para as reconstruir e viverem nelas. Afinal, a austeridade também passou por Óbidos… Parece haver preocupação com isso…

Óbidos terra de gente simpática… Adorei falar com as pessoas!!

DRO manifestacao 7 240112

Anúncios

Notas (de uma portuguesa) de visita em Lisboa (Setembro de 2017)

Lisboa-Praca_Duque_Saldanha-n12
1. Lisboa está melhor em termos urbanos. Mais passeios!
2. O executivo camarário de Fernando Medina (PS) pensou a cidade para os turistas, não para os residentes. Por isso aquilo que me causa alegria quando passeio por Lisboa causa problemas a quem cá vive.
3. Se os residentes não foram tidos em consideração, muito menos terão sido as pessoas que vivem noutros municípios mas trabalham em Lisboa. Aparentemente não há politico que pense nestas pessoas. Para que servem as comunidades intermunicipais?
4. Parece que Fernando Medina pediu às famílias para tentarem ter apenas um carro. A ideia é muito boa, mas parece-me que foi planeada fechado num gabinete, com pouco contacto com a vida real. Que motivações as pessoas têm para deixarem de usar carro? Os transportes públicos são caros. As pessoas precisam de fazer compras e as lojas são longe. Isso entre outros aspectos que não foram tidos em consideração.
5. Gostei da nova face da Biblioteca Municipal das Galveias.
6. Lisboa está-se a tornar cada vez mais cara para os portugueses. As três coisas mais caras:
a) Alojamento
b) Transportes
c) Comida: Comer em restaurantes ou pastelarias é muito caro. Mas também fica caro ir ao supermercado.
7. De acordo com os cartazes expostos, todos se candidatam ao governo de Portugal. Ou isso ou descentralizar muitas responsabilidades do governo para os municípios não é boa ideia.
img_817x460$2016_06_09_15_35_18_287577