A sabedoria de Vítor Dias

«E ELES A DAR-LHE ! Como sempre acontece também com outros neste dia, lá vem João Miguel Tavares no Público de hoje espingardear contra as limitações impostas no chamado "dia de reflexão". Explicando que o que ele não tolera e considera "inadmissível" é que "os jornais, as televisões e as redes sociais estejam abrangidas por …

Anúncios

Leituras: O cânone ocidental, de Harold Bloom…

Harold Bloom é um crítico literário norte-americano e é professor na Universidade de Yale. E é um defensor ferrenho da literatura formalista (a arte pela arte). Harold Bloom defende neste livro que existe um “cânone” de livros de literatura que todas as pessoas deviam ler. Por isso estabelece uma lista cujas únicas preocupações são estéticas. …

Leiria, 2014: O alternativo é o novo mainstream?

«E vai daí, parece que a chamada ‘Grande Cultura’ (a dominante, a predominante, a reinante… essa toda!) já não é aquela coisa inquestionável, indiscutível, incontestável. O espectro alargou-se de tal forma que o alternativo é o novo mainstream. Será? A boa notícia é que quando se vai aos saldos, já não é preciso gramar com …

Sobre Ideologias e Alternativas

1. As ideologias não morreram. Antes pelo contrário. De facto, a ideologia que está a vencer é a do “mercado livre” (também chamada de neo-liberalismo / liberalismo / conservadorismo / neo-conservadorismo). Vencem os tecnocratas e os políticos-que-sabem-obdecer-aos-tecnocratas. Vencem apenas certas empresas, outras não. Vencem apenas certas pessoas, outras não. Os neo-liberais-darwinistas-sociais gostam muito de apontar …

Para Que Conste 23

- «O Presidente da República leu no 39.º Aniversário do 25 de Abril o mais aporético e contraditório discurso da história da III República. Denunciou a  incompetência da troika, mas saudou o doloroso cumprimento do seu insensato programa pelo esforçado povo português. Apelou a uma mudança do rumo da Europa, mas concordou com a tese …

Pensamento do Mês

«Para fazer com que uma medida inaceitável passe a ser aceita basta aplicá-la gradualmente, a conta-gotas, por anos consecutivos. Dessa maneira, condições socioeconômicas radicalmente novas (neoliberalismo) foram impostas durante as décadas de 1980 e 1990. Estado mínimo, privatizações, precariedade, flexibilidade, desemprego em massa, salários que já não asseguram ingressos decentes, tantas mudanças que teriam provocado …

Poupem-nos

«Ontem foi o dia da poupança, uma oportunidade impar para todos os moralismos. A DECO, pela voz de uma das suas responsáveis, prestou-se a um lamentável papel com os conselhos das lancheiras e das marcas brancas. O Jornal de Negócios, por sua vez, fez uma edição gratuita cheia de dicas para poupar e acumular e …

Coisas Giras de Portugal em 2012 (66)

«O economista António Borges defendeu na noite de quinta-feira que o "sub-prime" (crédito à habitação de alto risco) é "uma das melhores inovações dos últimos anos", demarcando-se assim da convicção generalizada de que este produto financeiro está na origem da presente crise mundial. Borges foi o conferencista de mais um jantar-debate promovido pela Associação Portuguesa …