Citações para Memória Futura (10)

«Sob o inesquecível título “PSD e CDS fogem à fotografia com Sócrates para acordo externo”, o Público de hoje, lembrando que “a aproximação das eleições leva os dois partidos da direita a cuidados redobrados na forma de dar o seu aval às medidas de austeridade”, explica-nos que entre as hipóteses que estão em cima da mesa, figuram “desde a assinatura propriamente dita (preferida pelo executivo) no documento que explicitará as medidas a tomar, à assinatura só do executivo e da troika, acompanhada por uma espécie de carta “de conforto” de Passos e Portas. Ou até à versão mais distanciada, por parte dos partidos de direita, que seria fazerem uma declaração pública a garantir o seu comprometimento com as medidas”. (…)»

Vítor Dias (28/04/2011) (1)

«Lello diz que Cavaco é foleiro. Nogueira Leite diz que Lello é um cibernabo. Lello diz que Nogueira Leite quer abifar uns tachos. Deve ser disto que falam quando falam de crispação. E esta crispação compreende-se. São os foguetes que animam uma festa morna. Enquanto a União Europeia e o FMI escrevem o verdadeiro programa eleitoral do PS e do PSD, aquele que ambos se preparam para aceitar sem um sinal de resistência, há que continuar a fingir que há um confronto político.

A ver se nos entendemos: dá imenso jeito, por exigir menos informação e menos reflexão, acreditar que a nossa situação se resume a uma questão de carácter dos intervenientes políticos. É confortável pensar que estamos como estamos porque o Presidente da República é “foleiro”, o primeiro-ministro é “aldrabão”, o líder do PSD é “um banana” e todos eles estão rodeados de gente que quer “abifar uns tachos”. Esta narrativa permite não discutir política, não discutir economia, não discutir Europa. Permite que os atores políticos não apresentem alternativas entre si e que os cidadãos não se dêem ao trabalho de pensar nelas. Tudo se resume a qualidades pessoais. (…)»

Daniel Oliveira (29/04/2011) (2)

(1) No blogue O Tempo das Cerejas. Os excertos referem-se a uma reportagem de Nuno Simas publicada no Público no dia 28 de Abril.

(2) Publicado no Expresso Online.

Anúncios

Os comentários estão desativados.